As melhores práticas em marketing no franchising encerram Pós-IFA ABF

Marketing
(A partir da esq.) Beno Krivkin, Bruno Arena e Adriana Auriemo: as melhores práticas de marketing apresentadas na IFA 2019

Nada de teoria. “A IFA é um evento em que as coisas estão acontecendo naquele momento (…), são coisas do dia a dia, mais práticas”, disse Adriana Auriemo, diretora de relacionamento, microfranquias e novos formatos da ABF, ao moderar o painel sobre “As melhores práticas em marketing” , encerrando o Pós-IFA. O tema foi debatido por Bruno Arena, coordenador de franquias da Casa do Construtor, e Beno Krivkin, sócio-diretor da Tribecca, responsável pelo Portal do Franchising.

A interconexão dos meios de comunicação com o consumidor e o modo como ele enxerga a marca na ponta estão entre os principais desafios das redes no omnichannel. Tecnologias como o uso do comando de voz, da biometria facial estão em evidência.

Segundo Arena, na prática é um grande desafio a integração dos canais físico e digital, como melhorar a percepção da marca pelo cliente e fazer com que essa integração flua na estrutura da franqueadora. O avanço tecnológico é uma realidade. “Isso já está acontecendo e a velocidade é cada vez mais avassaladora”.

Krivkin alertou para o que vem por aí na tecnologia para otimização de sites: a busca por voz. “Se preparem para essa próxima tendência: a VSO (voice search optimization), uma evolução do SEO (search engine optimization)”, disse.

Já Adriana observou que ficará caro para as marcas tornarem-se relevantes nesse momento, caso não sejam fortes.

Outros temas, como o incentivo ao marketing local feito pelos franqueados e os principais elementos para engajamento também foram debatidos.

A IFA 2019 deixou claro que a relação de uma marca com o cliente vai para além da compra. “Cada vez mais minha marca terá que contar uma história”, disse Arena.

Quanto às mídias sociais, Arena observou que “há uma grande tendência de crescimento do Linkedin nos Estados Unidos”. Porém, elas não são utilizadas em toda sua capacidade. Adriana lembrou que especialistas disseram durante a convenção que “ainda usamos as mídias sociais como quem usa um iPhone, apenas para ligar”.

Já Krivkin ressaltou que “os franqueadores sabem que devem estar presentes em todos canais”. Segundo o especialista, nos Estados Unidos eles têm oito portais disponíveis e apenas distribuem a verba de forma diferente, privilegiando aquelas mídias que, de acordo com os números, dão melhor retorno ou têm melhor performance.

A mídia social tem suas peculiaridades na captação de candidatos. Segundo krivkin, foi dito numa das mesas-redondas da IFA que mídia social é um bicho diferente. “Não venda, traga conteúdo. Toda vez que falamos de história de sucesso de franqueado [no Portal do Franchising], bomba”, concluiu.

Assista o resumo dos principais assuntos debatidos na IFA 2019 a respeito das “Melhores práticas em marketing”, apresentados por Beno Krivkin:

Saiba mais:

Foto: Keiny Andrade