Prefeitura do Rio de Janeiro e ABF analisam redução do ISS

Rio
(A partir da esq.) Francisco Bulhões, secretário municipal de Desenvolvimento Econômico do Rio. André Friedheim, presidente da ABF Nacional, Tom Moreira-Leite, vice-presidente, e Beto Filho, presidente da ABF Rio

Reunião ocorreu durante a Expo Franchising ABF Rio. Representantes da ABF Nacional e do Estado do Rio falaram ainda a respeito do Programa de Refinanciamento de Dívidas.

30/11/2021

Representantes da Prefeitura do Rio de Janeiro e da ABF reuniram-se para analisar questões relacionadas ao Imposto sobre Serviços (ISS).

Além da redução do tributo, os participantes do encontro trataram, ainda, da implementação do Programa de Refinanciamento de Dívidas (Refis) especial para o setor de franquias ou da remissão das dívidas relacionadas ao ISS dos últimos cinco anos.

A reunião ocorrida no último dia 12 de novembro durante a Expo Franchising ABF Rio faz parte de uma série de encontros que a entidade oficial do franchising brasileiro vem realizando com governos de diversas cidades do País sobre o tema.

A ABF foi representada por Tom Moreira Leite, vice-presidente da entidade e CEO do Grupo Trigo, detentor das marcas Spoleto, LeBonton, Koni, Gurumê, China in Box e Gendai, e por Beto Filho, presidente da ABF Rio e fundador da rede Astral. Francisco Bulhões, secretário de Desenvolvimento Econômico, Inovação e Simplificação representou a Prefeitura do Rio.

De acordo com Beto Filho, “o tema do ISS foi bem recebido. O time irá aprofundar o estudo sobre o impacto de arrecadação e competitividade e marcará uma agenda com o prefeito Eduardo Paes”. Ainda segundo o presidente da ABF fluminense, há a possibilidade de diminuir o percentual do ISS na cidade do Rio.

Foto: ABF/Divulgação