Pós-IFA ABF evidencia poder do engajamento, comunicação e tecnologia no franchising

IFA ABF
André Friedheim, presidente da ABF, na abertura do Pós-IFA 2020

A ABF realizou na manhã desta quarta-feira (11/3) na sede da TOTVS, em São Paulo, seu Pós-IFA. O encontro traz os temas mais importantes e insights da Convenção da International Franchise Association 2020. Maior evento do franchising mundial, a Convenção aconteceu em Orlando (EUA) em fevereiro. Com 60 participantes, a delegação da ABF reuniu franqueadores, franqueados, consultores, fornecedores e jornalistas.

Gestão das operações, relacionamento e engajamento com franqueados, marketing, comunicação e tecnologia foram temas analisados.

Ao abrir o evento, o presidente da ABF, André Friedheim, sintetizou o quadro atual do setor de franquias no País. Segundo o executivo, o franchising brasileiro vive um momento ímpar, com a aprovação no final de 2019 da nova Lei de Franquias, um setor que representa 2,6% do PIB brasileiro. “Crescemos muito em relação ao ano passado, tivemos um crescimento de 6,8%, que comparado ao crescimento do PIB mostra a força do franchising. Viemos tendo muitas conquistas importantes para o nosso setor”. Friedheim destacou, ainda, que os desafios têm sido enfrentados pelo setor. “Marcas fortes criam formatos diferentes, acessos a mercados diferentes, que conseguem entregar e superar crises o tempo inteiro, e esse é o franchising que eu acredito”, afirmou.

Destacando a experiência vivida pelo grupo ABF na edição deste ano da IFA, Friedheim lembrou das visitas técnicas às operações da NBA Store, Disney Springs e L’Occitane e das redes brasileiras Nutty Bavarian, Spoleto e OakBerry Açaí Bools.

Fabiana Estrela, diretora de Capacitação da entidade, falou sobre operações e relacionamento. Segundo ela, “Empatia” foi a palavra campeã, presente em todos os momentos do evento, nas mesas, nos painéis, nas conversas paralelas. “De fato, para gerar inovação e valor nas nossas redes na velocidade que a gente quer e que o mercado está exigindo, a gente [franqueador e franqueado] precisa estar muito alinhado”, disse. “Quanto mais a gente entender da jornada do franqueado, mais agregaremos valor na jornada do consumidor final também”, completou.

 

IFA ABF
(A partir da esq.) Caroline Bittencout (Grupo Bittencourt), Adriana Auriemo e Fabiana Estrela (ABF): reputação on-line da marca e seus cuidados

A reputação on-line da marca e os cuidados que ela deve tomar para preservá-la foram temas analisados por Adriana Auriemo, diretora de Relacionamento, Microfranquias e Novos Formatos da ABF, Fabiana Estrela, e Caroline Bittencourt, diretora de Inteligência de Mercado do Grupo Bittencourt.

Adriana ressaltou que o marketing local é uma estratégia de comunicação cada vez mais adotada pelas redes norte-americanas. Segundo a diretora, esta edição da IFA mostrou que é crescente o número de marcas que veem os franqueados como influenciadores locais.  Quanto aos reviews [comentários dos clientes sobre as marcas nas redes sociais], muito relevantes nos Estados Unidos, têm várias franqueadoras criando processos completos sobre como tratá-los. “Na parte de marketing, eles acreditam muito mais no cliente convencendo o cliente do que você [o próprio franqueador ou franqueado]”, disse.

Caroline observou que se deve ponderar a questão do controle da informação para que não se perca oportunidades de divulgação da marca no mercado.  “Acreditando na nossa entrega na ponta, [devemos] fazer com que eles [franqueados] realmente façam esses reviews”, disse. Para a executiva, deve-se “abrir mão um pouco do controle porque isso realmente traz resultados”.

IFA ABF
José Rubens Rodrigues (ABF), Julio Segala (Kumon), João Baptista Jr. (ABF) e Beno Krivkin (Tribecca) durante painel

Expansão, marketing e tecnologia
As melhores práticas em expansão, marketing, tecnologia e soluções para as redes foram debatidas no painel moderado por Julio Segala, diretor de marketing e expansão do Kumon, com João Baptista Junior, coordenador da Comissão de Food Service da ABF, José Rubens Oliva Rodrigues, coordenador da Comissão de Microfranquias e Beno Krivkin, sócio-diretor da Tribecca.

De acordo com Segala, a frase “Nem todo lead é uma oportunidade” marcou o grupo ABF, revelando a importância da análise correta do cadastro on-line do potencial franqueado.

A produção de conteúdo foi outro ponto de inflexão da Convenção da IFA. Segundo Krivkin, muito se falou sobre esse tema no evento. “Tenham em mente que é preciso produzir conteúdo”, ressaltou.

Segundo Rodrigues, mais relevante do que o canal on-line para seleção do franqueado é o conteúdo que a marca divulgará. “O canal é importantíssimo, mas mais importante é a mensagem que você quer dar”, disse.

A grande mensagem, de acordo com Baptista, é de que forma conseguimos entender melhor o candidato a franqueado. “Não excluir as pessoas, apenas classificar e direcionar” foi uma frase marcante para o coordenador da ABF. Uma estratégia, segundo ele, é clusterizar os leads. “As ferramentas não funcionarão igual para todas as pessoas. Você tem que ter conteúdo para aquele ‘cluster’ de pessoas”, defendeu.

IFA ABF
Renata Pih (Andréa Oricchio Advogados), Sidnei Amendoeira e Sandra Brandão (ABF): aspectos jurídicos em foco na IFA

Sidnei Amendoeira, diretor institucional da ABF, moderou o painel sobre os pontos de atenção observados na Convenção da IFA quanto aos aspectos jurídicos. Sandra Brandão, membro da Comissão de Estudos Jurídicos da ABF e Renata Pin, da Andréa Oricchio Advogados, participaram do debate.

A importância de um contrato de franquia completo e correto foi um dos assuntos tratados. “O Contrato tem que ser forte e seguro, mas tem quer razoável e exequível”, disse Amendoeira.

A transparência na relação entre franqueador e franqueado, questões trabalhistas e repasse foram alguns temas analisados pelos advogados. Para a gestão do repasse, Renata observou que as redes norte-americanas fazem um check list e um manual específico.

Para Sandra, as redes precisam “amadurecer para ter processos jurídicos. Faz parte do momento da elaboração ou da atualização do contrato de franquia”, afirmou.

Julio Monteiro, CEO da Megamatte, falou dos bastidores da Disney. O modo como a empresa gerencia as pessoas e a destinação de resíduos foram pontos relevantes para ele. Segundo Monteiro, a Disney deixou algumas lições. A primeira delas é identificar a causa de existir e o propósito de vida.

Para concluir, o executivo deixou uma frase reflexiva: “Se você estiver num business, mas que tem pessoas envolvidas, comece a pensar em vida e não em dinheiro. Se você não entende de pessoas, não entende de vida”.

IFA ABF
Público participante do evento da ABF

“A vivência que temos no grupo é o que enriquece nossa experiência na IFA”, disse André Friedheim ao encerrar o evento. As inscrições para compor o Grupo ABF na próxima Convenção da IFA já estão abertas. O evento será realizado de 21 a 24 de fevereiro de 2021 em Las Vegas (EUA).

Fotos: Keiny Andrade