Pesquisa identifica o perfil de quem investe no setor de franchising

JORNAL DCI – REDAÇÃO – 19/08

Levantamento realizado pela área de lnteligência de Mercado do Grupo Bittencourt mostra que 56% dos empresários que atuam no setor de franquia como franqueados são homens, e 44%, mulheres. No último ano, a participação da mulher cresceu 25% em relação ao ano anterior. Apesar de um equilíbrio maior entre os sexos no segmento, algumas áreas ainda são mais propensas a terem mulheres no comando, como mostra o setor de beleza e cosméticos. Em contraponto, elas estão cada vez mais envolvidas em negócios que eram tipicamente masculinos, como os de alimentação, varejo e especializados.

Ainda segundo o mapeamento, os novos empreendedores do ficam na faixa de 26 a 35 anos, e já estão casados -61% dos perfis mapeados. São pessoas ainda jovens, mas que já carregam certa experiência nos negócios. De acordo com a diretora-geral do Grupo, Claudia Bittencourt, esses dados mostram quanto o perfil do empreendedor mudou nos últimos anos. “Os jovens brasileiros estão deixando de empreender de forma independente para apostar no franchising como uma forma mais segura de ter o retorno do capital envolvido”,comenta.

As áreas de formação dos franqueados se concentram principalmente nas ciências sociais aplicadas, como administração, economia, direito e marketing. Dos empreendedores, 82% possuem formação superior, sendo que 35% também fizeram pós-graduações/MBAs.

Para Claudia, trata-se de um forte indício de que os empreendedores brasileiros, que antes iniciavam um negócio por pura necessidade de sobrevivência, atualmente possuem uma posição profissional e buscam um negócio que possa lhes fornecer uma renda maior, complementar, ou ainda como plano B, no caso de executivos de empresas multinacionais ou nacionais de médio e grande porte.
 
Segundo a Associação Brasileira de Franchising (ABF),o segmento faturou mais de R$103 bilhões no ano passado, e tem como projeção chegar a R$ 120 bilhões em 2013. Esse mercado cresceu acima de 16% nos últimos cinco anos e já soma mais de 2.400 redes de franquias estabelecidas.
 
Para a pesquisa, a empresa utilizou uma amostra de 132 franqueados do universo de investidores que passaram pelo processo de seleção da consultoria e ingressaram no sistema de franchising nos últimos dois anos.