Niterói se destaca entre as 10 cidades em número de franquias do País

O município é um dos principais centros comerciais e de serviços do Estado do Rio de Janeiro

Com 245 marcas e 631 unidades, Niterói cresceu 12% no primeiro semestre de 2017, em número de unidades.

Em um levantamento divulgado pela Associação Brasileira de Franchising (ABF) sobre as 30 cidades brasileiras com o maior número de unidades e de marcas atuantes, a cidade de Niterói se destaca no 4º lugar entre as que mais cresceram em número de unidades.

Com 245 marcas e 631 unidades, Niterói cresceu 12% no primeiro semestre de 2017, em número de unidades. Isso representa um crescimento maior do que a capital do estado, Rio de Janeiro, que conta com 548 marcas e 5719 unidades, e cresceu 10%. Estes dados confirmam o crescente movimento de expansão do franchising para fora das capitais, a intensa movimentação das marcas e a presença de polos de franchising em várias regiões do País. Fica claro também que algumas economias locais estão com um ritmo de recuperação superior à média nacional.

Para a presidente da ABF Seccional Rio de Janeiro (ABF Rio), Eliane Bernardino, esses dados positivos demonstram a resiliência do sistema fluminense ante a instabilidade econômica e política do Estado. “Mesmo com o atual cenário do Estado, Niterói continua sendo uma das melhores cidades em qualidade de vida, com grande centro de comércio e serviços. O crescimento consolidado reforça a importância da Região Metropolitana do Rio de Janeiro no cenário nacional, sendo o segundo maior berço do franchising no país.”

Niterói possui atualmente cerca de 500 mil habitantes (IBGE) e alcançou o mais elevado Índice de Desenvolvimento Humano Municipal (IDHM) do Rio de Janeiro. De acordo com o último Censo do IBGE, Niterói é o município líder em renda individual média capita em nível nacional, enquanto São Paulo ocupa o 14º lugar e o Rio de Janeiro, 15º lugar.

RELAÇÃO 30 CIDADES BRASIL

UNIDADES – RANKING VARIAÇÃO

CIDADES 2016 2017 1º Sem Variação
1 São José dos Campos 588 663 13%
2 Recife 1141 1282 12%
3 Goiânia 1067 1195 12%
4 Niterói 565 631 12%
5 Uberlândia 499 556 11%
6 Rio de Janeiro 5222 5719 10%
7 Brasília 1934 2123 10%
8 Belo Horizonte 1784 1966 10%
9 Campinas 1301 1431 10%
10 Florianópolis 565 621 10%
11 João Pessoa 467 514 10%
12 São Paulo 10259 11132 9%
13 Salvador 1463 1592 9%
14 Porto Alegre 1253 1362 9%
15 Fortaleza 1208 1312 9%
16 Manaus 675 738 9%
17 São Bernardo do Campo 599 655 9%
18 Santo André 579 631 9%
19 Natal 537 588 9%
20 Maceió 503 547 9%
21 São José do Rio Preto 492 537 9%
22 Sorocaba 490 532 9%
23 São Luís 653 704 8%
24 Ribeirão Preto 616 665 8%
25 Cuiabá 473 512 8%
26 Curitiba 1590 1708 7%
27 Guarulhos 645 692 7%
28 Teresina 510 548 7%
29 Belém 709 751 6%
30 Campo Grande 548 580 6%