Líderes do franchising debatem práticas transformacionais na 19ª Convenção ABF

Convenção Franchising
Cerimônia de abertura da Convenção ABF do Franchising 2019

 

  • A Convenção ABF 2019 vai até o próximo dia 26, debatendo os principais temas do setor e com foco na transformação digital
  • Pela primeira vez no Brasil, Nancy Giordano, da Singularity University, falará sobre práticas transformacionais para alta liderança
  • Programação contará também com a experiência de empresas nativas digitais como a “unicórnio” EBANX e debates sobre o futuro dos shoppings, design essencial, e-commerce, experiência do consumidor, dentre outros

Foi dada na noite dessa quarta-feira (23/10), a largada para a 19ª Convenção ABF do Franchising, no Hotel Transamérica Ilha de Comandatuba, Bahia. Principal evento de franqueadores do País que vai até o próximo dia 26, neste ano a Convenção mergulha ainda mais fundo na transformação digital.

Mais do que debater como este movimento irá impactar o franchising, a questão agora é como fazer o negócio crescer em um ambiente em que as barreiras entre o digital e o físico caíram, novos formatos/modelos já detém parcelas significativas de mercado, os hábitos de um consumidor empoderado mudaram sensivelmente e tecnologias disruptivas estão a distância de um click no celular – a nova central de nossa vida.

Convenção Franchising
André Friedheim, presidente da ABF, discursa na abertura da Convenção

“Startup, scale-up, co-criação, compartilhamento, delivery. A avalanche de novos paradigmas na era digital está dando uma nova cara aos negócios. Porém, se olharmos mais de perto, podemos notar que muitas destas práticas fazem parte do dia a dia das franquias. Afinal, o que é abrir dezenas de novas unidades ao ano? Ou, como podemos chamar a forma com que redes e franqueados partilham recursos e conhecimento na operação? Além disso, as franquias desenvolveram maneiras variadas de chegar até o consumidor. Ou seja, o franchising tem uma vocação para a economia 4.0”, afirma André Friedheim, presidente da ABF, que completa: “precisamos ir mais fundo, embarcar as últimas tecnologias e abordagens e, por que não, desenvolver iniciativas disruptivas. Nesta convenção, vamos beber na fonte de empresas nativas digitais, ter acesso ao conhecimento de uma das principais instituições de inovação do mundo e enfrentar questões urgentes para a manutenção do crescimento de nosso setor nos próximos anos”.

Um dos destaques da programação é a Sessão Plenária com Nancy Giordano, palestrante da Singularity University especialista em futurologia e transformação digital. Eleita uma das mulheres mais influentes na lista do Futuro da Liderança pela Women Speakers Association, Nancy guiou projetos em empresas como The Coca Cola Company, Brinker International, Sprint, Nestlé, Energizer, Mercedes Benz, entre outras, ajudando-as na transição para a nova economia, criando soluções mais sustentáveis, inclusivas e dinâmicas para as demandas futuras. Em sua primeira passagem pelo Brasil, Nancy irá falar sobre práticas transformacionais para alta liderança em tempos exponenciais.

Equilibrar a equação transformação digital e escalabilidade será o foco de um painel com lideranças de três empresas nativas digitais de sucesso: a EBANX, empresa de pagamentos digitais que já é avaliada em mais de US$ 1 bilhão, a Fashion Code, de curadoria de moda e compra online recorrente de roupas, e a Mobly, marca de artigos de decoração e móveis. Na mesma linha, haverá palestras sobre Design Essencial (metodologia para se olhar uma cultura e descobrir, despertar e potencializar seus valores e saberes essenciais através do design) com Marcelo Rosenbaum, da Rosenbaum e sobre o emergente mercado dos 60+ com Layla Vallias da Hype60+.

O futuro dos shoppings centers é outra questão fundamental para o setor e será debatida em um painel com a participação da BrMalls, IGUATEMI e Delivery Center. “Com o crescimento do e-commerce, os shoppings têm passado por transformações. Já vimos alterações no mix, com mais serviços, entretenimento e alimentação, até a criação de marketplaces digitais. A atuação enquanto uma espécie de centro de distribuição e última milha do e-commerce também são outras alternativas na mesa. Vamos debater estas e outras questões e como o franchising se insere neste novo contexto”, explica André Friedheim.

Como inspiração, haverá uma palestra de Wilson Point, empresário, superintendente do SEBRAE-SP e autor do recém lançado livro “O Não você já tem, então vá à luta!”. Point irá falar de seu histórico empreendedor que, após vários percalços, criou uma empresa de geradores de energia posteriormente vendida por cerca de US$ 200 milhões. Além disso, Point é Empreendedor Endeavor desde 2002 e recebeu em 2009 o Prêmio “Empreendedor do Ano” da Ernst&Young (EY). Em 2013, ele passou a se dedicar a projetos de transformação no setor público, com foco na melhoria de eficiência, redução do Estado e programas de desestatização.

Completando a programação, serão realizadas mesas-redondas e painéis paralelos com variedade de temas e horários, sempre com um olhar mais prático. Com a mediação de um consultor ou advogado e uma apresentação de um case de sucesso, as mesas redondas abordarão assuntos como experiência personalizada de suporte operacional, desafios e oportunidades em ser franqueador de diferentes segmentos, expansão interna com franqueados, como implantar a inovação colaborativa em sua rede, multicanais operados 100% pelo franqueado, market place phigital: ameaça ou oportunidade?. Nos painéis, haverá temas como customer experience (com a participação do Decolar.com), como trabalhar o e-commerce com franqueados, o olhar dos fundos de investimento sobre o setor (com Vinci Partners e Axxon Group Private Equity), o comportamento do consumidor e as plataformas digitais e excelência operacional.

Fotos: Keiny Andrade