Missão da ABF e Apex ao Chile fomenta negócios para franquias brasileiras

Missão da ABF e Apex ao Chile fomenta negócios para franquias brasileiras - ABF e a Apex-Brasil promoveram mais uma missão comercial


Negócios além das fronteiras: expositores brasileiros durante a Feira Internacional de Franquias do ChileMarcas associadas participam da 2ª FIF, de visitas técnicas e reuniões comerciais em Santiago de olho na expansão internacional

Com foco na internacionalização das marcas brasileiras, a ABF e a Apex-Brasil promoveram mais uma missão comercial por meio do projeto Franchising Brasil. Dividida em duas etapas, a missão envolveu a participação de marcas associadas à ABF na 2ª FIF – Feira Internacional de Franquias do Chile, de 17 a 18 de agosto, e visitas técnicas e reuniões de negócios, entre os dias 19 e 20. Organizada pela Câmara de Comércio de Santiago (CCS) e IFEMA Internacional, a feira chilena reuniu cerca de 40 empresas, entre franqueadoras, fornecedoras e consultorias, e 1.500 visitantes no Hotel W Santiago.

As franquias iGUi, Limpidus, Lugs, Puket, Walking Party e a consultoria Global Franchise representando a marca Spa das Sobrancelhas expuseram no Pavilhão Brasil e apresentaram seus conceitos ao público visitante. Além delas, a Chilli Beans também marcou presença na feira.

Integraram a missão Ricardo Camargo, consultor internacional, e Vanessa Fiabane, coordenadora da área da ABF. Como representante do governo, a chefe do Setor Comercial da Embaixada Brasileira no Chile Enusa Zanatta acompanhou o grupo durante toda sua permanência no país e em conjunto com a entidade organizou a missão.

Camargo participou do evento de abertura da feira como representante do Brasil. Especialista em franchising e internacionalização, ele fez uma apresentação para mais de 100 pessoas sobre o sistema de franquias e mostrou um panorama a respeito da economia e do franchising no Brasil e na região ibero-americana. O salão de franquias chileno atraiu redes do Brasil, Estados Unidos, Espanha, México, Uruguai e Argentina.

Grupo brasileiro liderado pela ABF e Apex em atividade no Chile

A participação das redes brasileiras em missões internacionais revela a evolução do franchising nacional. Para Fernando Sodré, presidente da Limpidus, “o  Brasil ocupa um lugar de destaque no cenário mundial do franchising  e ter uma rede brasileira de serviços, expondo seu modelo de negócio e prospectando parceiros no exterior ao lado de empresas de outros países e de outros segmentos só vem confirmar o estágio de amadurecimento do franchising brasileiro”.

Expor a marca e ter a oportunidade de fazer novos contatos são pontos valorizados por Maurício Matheus, proprietário do Walking Party, marca pertencente ao Grupo Multifranquias, que integrou a missão. “Nós participamos pela primeira vez da feira. Recebemos mais de 100 cadastros, quatro pessoas ficaram bem interessadas no modelo de negócio que o Walking Party oferece [um “ônibus balada” em que se realizam festas em movimento]. Esperamos fechar negocio em breve e abrir nossa primeira unidade internacional”, afirma.

Nos dois dias seguintes após a feira, o grupo de empresários brasileiros seguiu a programação de seminários, reuniões de negócios e eventos com potenciais investidores. Na avaliação dos participantes, a missão foi bem-sucedida. “As perspectivas de negócios na América Latina são muito animadoras, dada a experiência já acumulada nestes últimos 25 anos como franqueadores no Brasil e o estágio de amadurecimento de toda nossa equipe, composta por profissionais do mais alto nível”, afirma o presidente da Limpidus.

Franchising no Chile
Segundo os representantes da ABF, o franchising no Chile está se desenvolvendo rapidamente com a entrada de novos players e investidores num mercado que era dominado por poucos grupos varejistas. A Câmara de Comércio do Chile criou um comitê de franquias, com o intuito de que esse seja o passo inicial para a criação de uma associação de franquias no país.

Os chilenos gostam muito do Brasil e valorizam a qualidade e o design de seus produtos.

Durante as visitas técnicas a redes varejistas em Santiago, o grupo brasileiro constatou que marcas como Ellus, Via Uno e Carmen Steffens têm boa atuação no mercado local.

Ao final da missão, a delegação brasileira demonstrou otimismo com a possibilidade de realizar futuros negócios com o país andino, que vem alcançando consideráveis avanços em infraestrutura e com a entrada de novos investidores estrangeiros.

Atualmente com 18 milhões de habitantes, o Chile é a residência de cerca de 15 mil brasileiros, registra inflação anual de 4% e sua taxa de juros é de 3% a 4% ao ano.

Veja as marcas brasileiras com operações no Chile:

BOB´S
CARMEN STEFFENS
CASA COR
CCAA
COLCCI
ESCOLAS FISK
LOCALIZA RENT A CAR
SMART FIT
CLUBE MELISSA

Fonte: ABF/ Base de Associados

Fotos: Arquivo ABF