Franquia de baixo valor é opção de negócio

Jornal Zero Hora – Maria Amélia Vargas – 18/01
Aquele dinheirinho da poupança, o FGTS resgatado ou um valor extra de uma herança inesperada podem se tornar uma boa oportunidade de negócio. Opções de franquias de baixo custo se multiplicam no Brasil — somente em 2012, foram movimentados mais de R$ 4,5 bilhões nesse segmento, de acordo com a Associação Brasileira de Franchising (ABF) — e são perfeitas para quem está flertando com o empreendedorismo, mas não tem experiência na área nem muitos recursos.
Segundo Edson Ramuth, diretor de microfranquias da ABF, as marcas que necessitam menor investimento inicial se caracterizam por, em geral, não precisarem de ponto comercial logo na largada. Por essa razão, a grande maioria das empresas com esse formato são voltadas para a área de serviços.
Mas nem tudo é facilidade em negócios desse tipo. Em alguns casos, os donos começam sem a possibilidade de contratar funcionários e precisam botar a mão na massa mesmo — salienta Ramuth.
Outra vantagem das franquias de baixo custo é a possibilidade de obter retorno financeiro mais depressa. Em contrapartida, Bruna Eboli, coordenadora Regional da Endeavor RS, lembra que o lucro está atrelado ao investimento inicial:
A microfranquia não é diferente dos demais empreendimentos. Existem muitos fatores atrelados ao rápido retorno, como comportamento e tamanho do mercado em questão, produto, segmento e modelo do negócio, entre outros.
Os ganhos acompanham o crescimento do negócio. De acordo com Marco Imperador, sócio-diretor do Grupo Zaiom de microfranquias, as empresas com esse perfil têm faturamento médio mensal de R$ 15 mil a R$ 50 mil. Resultados animadores podem ser garantidos para quem está disposto a aprender com o processo.
O empreendedor tem todo o suporte de um franchising tradicional, mas a exigência de dedicação é maior. Nas empresas maiores, o dono pode até contratar um gerente e delegar funções, preocupando-se apenas com os números finais. Em uma franquia menor, não terá essa oportunidade — ensina Imperador.