Relacionamento e integração são destaques no Congresso de Franquias e Varejo NO e NE

franquias e varejo
Cândido Espinheira, diretor da ABF Regional Nordeste, na abertura do Congresso

Relacionamento e integração são destaques no Congresso de Franquias e Varejo do Norte e Nordeste da ABF

24/03/2022

As mudanças e desafios do mercado, inovações no varejo e o relacionamento entre o cliente e os players do negócio foram assuntos que nortearam os temas do Congresso de Franquias e Varejo. O evento foi realizado pela Associação Brasileira de Franchising (ABF), por meio de sua Regional Nordeste, no dia 24 de março, no Teatro RioMar, na capital pernambucana.

O diretor regional da ABF Nordeste, Cândido Espinheira, apresentou a entidade aos participantes, mostrando a estrutura e as ações entre cursos e eventos realizados em todo o País. Além disso, destacou os números do desempenho do franchising nacional e regional.

Segundo o último balanço da ABF, o setor faturou R$ 27,5 bilhões em 2021, um incremento de 14,6% em relação ao ano anterior, cujo faturamento foi de R$ 24,07 bilhões; acima da média nacional. Já em número de unidades, o mercado da Região expandiu mais de 2,9%, com cerca de 25 mil operações.

No primeiro painel, o consultor e fundador da Praxis Business, Adir Ribeiro, apresentou a palestra com o tema “Franchising: oportunidades, desafios e tendências”, na qual fez um overview das tendências observadas nos eventos internacionais da NRF e IFA, realizados, presencialmente, nos Estados Unidos no início deste ano.

Segundo Ribeiro, a ideia da palestra foi mostrar o contexto da transformação, o que impacta os modelos de negócios e o consumo, fazendo um recorte sobre o ecossistema do franchising. Ele deu exemplos de marcas com potencial e que crescem por meio de fusões e aquisições, como o caso das Lojas Americanas que comprou a Pucket e a Imaginarium.
“A perspectiva das redes tem que mudar para esse mundo que está mudando. As franqueadoras precisam se preocupar com a imersão digital, entrega e com o suporte. O franqueador do futuro é aquele que ensina o franqueado a pensar de forma correta. Na franqueadora se exigem cada vez mais respostas rápidas”, afirmou.

Liderança e engajamento
O segundo bloco de palestras abordou o tema “Liderança e engajamento em tempos de transformação”, contou com cases apresentados por Ana Virgínia Falcão, (Clube Turismo), Raphael Mattos (PremiaPão) e Leonardo dos Anjos (Anjos Colchões) e foi moderado pelo diretor regional da ABF, Cândido Espinheira.

Os painelistas contaram as experiências vividas com seus negócios durante a pandemia. Segundo os participantes, a principal mudança foi o alinhamento das marcas com o franqueado, dando suporte e fazendo com que ele entenda suas funções e tenha clareza da missão de fazer um trabalho local.

Já durante a tarde, foi apresentado o painel sobre os desafios e oportunidades de expansão com multifranqueados e a gestão de multiunidades, com participação dos multifranqueados, Péricles Modesto, Alysson Andrade e o membro do Comitê de multifranqueados da ABF, Sandro Alves. Além de apresentarem os cases das operações, debateram sobre a jornada dos clientes, sobre o dia a dia s e a troca de expertise para o crescimento das redes, com a moderação de Leonardo Lamartine, fundador do Grupo BHF. Segundo os painelistas, o ponto-chave é saber escutar os dois lados da cadeia, tanto os clientes quanto as rede, fazendo alinhamento de propósitos.

“Se você está procurando uma franquia, para mudar de vida, não é só ganhar dinheiro, procure algo com o que você tenha prazer, que tenha propósito em fazer algo. Este é o diferencial”, afirmou Sandro Alves.

Finalizando o encontro, o fundador do Grupo Sorridents, Kleber Soares, apresentou a trajetória de sucesso da marca.

Foto: ABF/Divulgação