Estudos de parceiros e dados do segmento: Confira o que foi apresentado no último encontro do Comitê de Food Service

Alimentação nos shopping centers, cliente oculto e desempenho do segmento de alimentação foram os temas abordados durante o último encontro do Comitê de Food Service da ABF, ocorrido na última segunda-feira, dia 8.

O evento foi dividido em três partes. Claudia Algranti, da consultoria Galunion, apresentou um estudo sobre alimentação nos shoppings. Realizado de dezembro de 2017 até 15 de janeiro de 2018, o levantamento reuniu dados coletados em 16 shoppings de São Paulo, Belo Horizonte e Curitiba: “As praças de alimentação são um espaço de redes. Sessenta e um por cento correspondem a marcas que possuem dez ou mais unidades”, afirmou a consultora. Além disso, o estudo evidencia a força das redes nacionais: “81% das redes presentes são de origem brasileira”, aponta.

Forte tendência apontada no estudo é o crescimento do Fast Casual. Com uma proposta que se encontra entre o fast food e o casual dining, une refeição de qualidade, rápida, acessível, com serviço diferenciado e ações sustentáveis de produção. Outro movimento apontado no estudo é o store in store. Com um número ainda tímido, de 5% nos shoppings de São Paulo, é uma tendência que tende a aumentar nos próximos anos.

Cliente oculto e Pesquisa de Food Service ABF

José Worcman, da On You, apresentou o conceito de Cliente Oculto e também boas práticas para melhoria do segmento de alimentação. “O conceito de cliente oculto nasceu na década de 1920 nos Estados Unidos e consiste em pessoas treinadas e testadas para avaliar o seu negócio de maneira imparcial. Um processo fundamental que garante a qualidade das informações”, pontuou. Boas práticas foram apontadas como o aprimoramento da cultura da empresa, empoderamento dos funcionários, treinamentos recorrentes, incentivos e reconhecimentos.

Vanessa Bretas, gerente de inteligência de mercado da ABF, encerrou o encontro com dados do segmento de alimentação no 2º trimestre de 2018, que cresceu 9,7% ante o mesmo período de 2017. Vanessa também destacou pontos importantes da 12ª Pesquisa Setorial ABF Food Service, tais como delivery, tecnologia e gestão do negócio. Os participantes encerraram o encontro debatendo esses pontos.

Se você está pensando em comprar uma franquia, confira artigos que o Portal do Franchising separou para te ajudar: