Boulevard Social na ABF Expo traz instituições de destaque por seus projetos sociais

Boulevard
Boulevard Social da ABF Expo 2019 reuniu Amigos do Bem, Gerando Falcões, Instituto CNA e Instituto Ronald McDonald

A 28ª edição da ABF Franchising Expo apresentou aos visitantes e às mais de 400 marcas que participaram da iniciativa um Boulevard Social. O espaço contou com quatro instituições que desenvolvem projetos sociais relevantes e que possuem alguma relação com o franchising. Neste ano, estavam presentes o Grupo Incense, com o programa ChamaViva Perfume do Conhecimento – Mentoria Social em Franchising, em parceria com a Obra do Berço; o programa Recomeçar, realizado pelo Gerando Falcões; o Instituto CNA e o Instituto Ronald McDonald. Também participou do evento, como um dos expositores, a o Amigos do Bem.

Para o Instituto Ronald McDonald, foi uma grande oportunidade participar do evento pela possibilidade de apresentar a causa da oncologia pediátrica a diversas empresas e marcas que desconhecem o trabalho da entidade. “Achamos essa iniciativa muito importante para o terceiro setor, pois é uma forma de trazer o tema da responsabilidade social para a pauta das empresas de diversos segmentos e tamanhos, mostrando que todos podemos contribuir para um mundo melhor, cada um fazendo sua parte. O espaço foi muito positivo e tivemos também a oportunidade de estreitarmos a relação com outras instituições de terceiro setor. Essa é a primeira vez que participamos da feira e esperamos estar sempre nas edições posteriores, para que possamos divulgar ainda mais a causa da oncologia pediátrica além de engajar novos parceiros e o público apoiador nessa jornada”, explica a coordenadora de mobilização de recursos e comunicação, Bianca Provedel.

Já o Grupo Incense participa pela primeira vez da ABF Franchising Expo com o Programa ChamaViva Perfume do Conhecimento – Mentoria Social em Franchising, desenvolvido em parceria com a organização social Obra do Berço. Graças ao trabalho realizado, os jovens participam de cursos de técnicas profissionais. Em parceria com o grupo por meio de uma mentoria, especialistas em diversas áreas do franchising dão formação complementar aos jovens participantes do projeto. O objetivo é ampliar e fortalecer o conhecimento e o desenvolvimento pessoal dos estudantes e fazer com que adquiram competências do mundo corporativo.

Segundo Ionalda Correia Lisboa Ferreira, da área de Recursos Humanos do programa, foi bem gratificante e proveitosa a participação. “Nós estamos aqui porque fomos premiados com o Prêmio de Sustentabilidade social concedido pela ABF. Estamos achando o máximo, pois conseguimos bastante parcerias, além de adquirir conhecimento sobre como funciona a feira. Tivemos a presença de jovens que englobam o projeto na quarta-feira e no sábado. Eles puderam participar um pouco de tudo isso. Essa vivência enriquece bastante os jovens, pois eles passam a ter contato com esse segmento de franquias que é um mundo corporativo”, revela. A expectativa é continuar participando das próximas edições da feira.

Também é a primeira vez do Gerando Falcões, juntamente com o programa Recomeçar, na ABF Franchising Expo. “Foi uma ocasião incrível para nós e muito relevante em todos os dias do evento. Como atuamos na geração de oportunidades para egressos do sistema carcerário, tivemos a chance de estar mais perto das empresas. Houve uma troca de cartões e de contatos, e eu acredito que após a participação nesta iniciativa, vamos conseguir transformar mais vidas. Foi muito benéfico poder estar presente na feira e eu acredito que iremos colher bons frutos após o evento. Se formos convidados, com certeza queremos retornar no ano que vem”, relata o coordenador do Instituto Gerando Falcões, Leonardo Precioso.

Para o Instituto CNA é muito importante estar presente institucionalmente na ABF Franchising Expo para explicar e fazer com que o público entenda mais sobre as ações desenvolvidas. “Nosso principal objetivo é divulgar o trabalho, buscar o apadrinhamento da educação das crianças do Instituto e novas parcerias. Durante os quatro dias de evento, conseguimos estreitar a relação com os parceiros que já estão firmados e estabelecer uma conexão mais próxima com potenciais empresas que podem ingressar no projeto futuramente. O saldo foi muito positivo e, com isso, esperamos voltar mais vezes”, explica a consultora responsável pela fase de reestruturação do Instituto CNA, Eleine Bélaváry.

Já a organização social Amigos do Bem é uma iniciativa de um grupo de amigos liderados por Alcione Albanesi, que levava às famílias do sertão nordestino roupas, alimentos, atendimento médico e odontológico, entre outras coisas. Após anos de muito esforço, a ação tornou-se um trabalho de transformação com inúmeros projetos educacionais e autossustentáveis que hoje movimentam a vida de mais de 60 mil pessoas nos estados de Alagoas, Ceará e Pernambuco. A Amigos do Bem conta com mais de 5 mil voluntários que atuam em diversas áreas, com o objetivo de promover uma transformação socioeconômica efetiva na vida das milhares de pessoas atendidas.

Foto: Studio F