Feira do Empreendedor reúne mais de 21 mil pessoas em Belo Horizonte

ABF foi uma das apoiadoras do evento que reuniu mais de 21 mil participantes em Belo Horizonte

Entre os dias 01 e 05 de abril, aconteceu em Belo Horizonte, Minas Gerais, a 6ª edição da Feira do Empreendedor. O evento, realizado no Minascentro, pelo Sebrae-MG, reuniu 105 marcas expositoras e público de 21.519 visitantes interessados em investir em seu próprio negócio.
 
A ABF foi uma das apoiadoras do evento e marcou presença também com um estande, onde os participantes puderam tirar dúvidas sobre o sistema de franchising e receber informações sobre as vantagens de adquirir uma franquia. Ao apoiar eventos como este, a Associação reafirma o seu papel na disseminação regional do sistema.

 Rogério Feijó, diretor de inteligência de mercado da ABF, palestra sobre o cenário nacional do franchising e a internacionalização de marcas

Mais de 400 atividades de capacitação foram realizadas em paralelo à feira, com a participação de mais de 18 mil alunos. No seminário ‘O mercado e as tendências para o varejo e o franchising’, Rogério Feijó, diretor de inteligência de mercado da ABF, dividiu o palco com Daniel Zanco, sócio da Universo Varejo e Danyelle Van Straten, diretora regional da ABF-Minas e da rede Depyl Action. Durante a palestra, foram apresentados os números do mercado mineiro que, segundo o levantamento anual da ABF, concentrou em 2013, 6% das 3.700 marcas no País e 8% das unidades franqueadas.
 
Na ocasião, Rogério Feijó comentou também sobre a inserção das marcas brasileiras no exterior (12%). Segundo ele, apenas 5% estão exportando. “O Brasil conta com 200 marcas de franquias internacionais, principalmente nos EUA”, afirmou o diretor durante o seminário. Em 2014, 15 novas franquias americanas de alimentação chegarão ao País. “Ocupamos o 3º mercado mundial em franquias, atrás da China e Coréia. Ainda são poucas as políticas de incentivo para a adoção do modelo de negócio”, finalizou.

 Segundo levantamento recente da ABF, Minas Gerais concentrou, em 2013, 6% das 3.700 marcas no País e 8% das unidades franqueadas

A GS1 Brasil, Associação Brasileira de Automação, foi uma das expositoras e considerou a participação no evento como positiva, já que recebeu, em seu estande, a visita de mais de 500 pessoas interessadas no trabalho da entidade. A GS1 Brasil é uma organização sem fins lucrativos que representa nacionalmente a GS1 Global. Em todo o mundo, a GS1 é responsável pelo padrão global de identificação de produtos e serviços (Código de Barras e EPC/RFID) e comunicação (EDI e GDSN) na cadeia de suprimentos. “A feira é um ótimo canal para que possamos atender as empresas associadas e levar conhecimento do código a novas redes, dando oportunidade que elas se associem”, afirma Ingrid Pelat, marketing e relações institucionais da GS1.