FANYF na Colômbia tem participação de franquias brasileiras

FANYF na Colômbia tem participação de franquias brasileiras - Grupo de representantes do franchising brasileiro durante a FANYF e em encontros de negócios com empresários colombianos


Grupo de representantes do franchising brasileiro durante a FANYF e em encontros de negócios com empresários colombianos 
Missão comercial organizada pela ABF e Apex foi à 4ª maior feira da América Latina, além de participar de reuniões de negócios

A ABF realizou uma missão comercial à Colômbia no começo deste mês. Com foco na internacionalização das franquias nacionais, o principal objetivo da missão é buscar novas oportunidades de negócios para as empresas brasileiras, transmitir uma melhor imagem do Brasil e de suas marcas e estimular a percepção do mercado latino-americano sobre o nível de profissionalismo das nossas empresas. O Pavilhão Brasil foi representado por seis redes: Carmen Steffens, Emagrecentro, iGUi Piscinas, Limpidus, Lug’s e Walking Party.

O ponto alto da missão brasileira foi a participação na 9ª Feira Andina de Negócios em Expansão e Franquias (FANYF), realizada de 1 a 2 de julho na capital, Bogotá. Quarta maior feira do setor na América Latina, a exposição reuniu cerca de 8 mil visitantes e 106 redes. O evento é uma mostra do mercado de franquias colombiano que registra 580 marcas, 8.900 unidades e gera 35 mil empregos diretos.

Feira andina é a 4ª maior do setor no continente latino-americano

Para Ricardo Camargo, consultor internacional da ABF, o crescimento do franchising na Colômbia, refletido na própria FANYF, está relacionado à boa performance da economia do país andino, cujo PIB deve avançar 2,8% a 3% este ano. “Há oito anos a Colômbia possuía 120 marcas, hoje são 580, sendo 55% nacionais. O mercado colombiano tem crescido a altas taxas, a classe média também vem crescendo, a exemplo do que aconteceu com o Brasil nos últimos anos e há 50 centros comerciais em construção em Bogotá e outras importantes cidades como Medellín, Cali e Barranquilla”, observa.

Ainda segundo Camargo, a previsão dos organizadores do evento era receber cerca de 1.500 visitantes, número que chegou a mais de 4.600 pessoas. “Se continuar com essa tendência, ano que vem terão de aumentar a exposição em mais um dia”, completa.

Edson Ramuth, presidente do Grupo Multifranquias, participou com duas marcas: Emagrecentro, que já tem máster franqueado na Colômbia, e Walking Park, que, segundo o empresário, recebeu na feira mais de 200 interessados. Ramuth destacou o crescimento do evento e a importância do franchising para o País. “Hoje o mercado colombiano é o mais importante mercado consumidor da América do Sul, quando pensamos em exportação de franquias. O Emagrecentro já participou há três anos desta feira e notamos o crescimento do evento, além de um crescimento importante do público que visitou a feira”.

Outro representante do franchising que reconheceu a importância do evento foi Andres Gutman, diretor da rede Carmen Steffens na América Central. “Vale destacar a forma com que tudo foi organizado. A feira estava muito boa. Um fator importante é que os participantes realmente estavam em busca de novos negócios para investir. Vamos continuar participando de eventos como este”, assegura.

A opinião é semelhante à de Antonio Schmidt Junior, representante da Lug’s, marca de batatas belgas que também atraiu a atenção dos visitantes. “Estamos muito satisfeitos com o resultado de nossa participação na FANYF 2015. O público participante demonstrou sério interesse no funcionamento da Lug’s Franchising e temos certeza de que realizaremos muitos negócios a partir dos contatos feitos, tanto da Colômbia quanto de países adjacentes”, comenta.

Programação extra feira
Além da participação na feira, os empresários brasileiros cumpriram uma agenda de negócios extra.

Dentre as atividades realizadas, os executivos tiverem a oportunidade de visitar a Embaixada do Brasil para tratar de um possível apoio na promoção comercial das empresas e encontrar potenciais franqueados brasileiros residentes em Bogotá.
O grupo visitou também a Câmara Colombiana de Franquias (Colfranquias) e a empresa LFM para conhecer melhor o mercado de franquias nacional, e o Unicentro, grande shopping da Capital.

Os empresários brasileiros tiveram, ainda, uma reunião no Shopping Andino com a administradora do centro comercial, que apresentou importantes dados do setor de shoppings na Colômbia.

Fotos: Divulgação FANYF/ ABF