Chiquinho Sorvetes projeta faturamento de R$ 190 milhões em 2014

A Chiquinho Sorvetes, maior rede de sorveterias soft do Brasil, chegou ao fim de 2013 com razões de sobra para comemorar um ano de excelentes negócios. Entre outros números destaca-se o de lojas abertas nos últimos meses, 56 no total, que somadas às já existentes perfazem um total de 305 unidades, sendo 205 unidades ativas e mais 100 em implantação.
 
A empresa emprega atualmente um exército de mais de 1.800 colaboradores. São cerca de 20 milhões de consumidores/ano, tendo entre as mais de 90 variedades de combinações de produtos o Milk-Shake como campeão de vendas.
 
Com a loja modelo e central de franquias localizada em São José do Rio Preto-SP, a marca vem buscando expansão constantemente, com a elaboração de novos produtos e desenvolvimento de sabores. No Estado de São Paulo a marca está presente em todas as regiões administrativas com mais de 110 unidades e já desponta também em municípios do Rio de Janeiro, Minas Gerais, Paraná, Goiás, Mato Grosso, Mato Grosso do Sul, Distrito Federal, Tocantins, Acre, Alagoas, Bahia, Ceará, Pará, Paraíba, Piauí, Pernambuco, Santa Catarina e Rondônia, entre outros. No total já são 24 estados.
                                                                                                                      
“O segredo está exatamente no padrão de excelência do nosso sorvete, na variedade, nas combinações, nas opções temáticas. Pensamos que com um produto irretocável sempre teremos um número crescente de clientes e solicitações para novas franquias”. Comenta Luciano Rodrigo de Souza, diretor de franchising da rede.
 
Franquias
 
O investimento para uma nova loja da marca varia entre R$ 270 e R$ 300 mil reais, sendo que a cidade tem que ter no mínimo 50 mil habitantes para entrar no perfil exigido. A área para instalação é de no mínimo 35 m². São negociados todos os meses cerca 1,6 milhões de produtos, contando todas as variedades.
 
O faturamento anual da empresa em 2013 foi de R$ 104 milhões de reais, a projeção para 2014 é de R$ 190 milhões.
 
Segundo a ABF o faturamento total do setor de franquias atingiu R$ 115 bilhões no ano de 2013, o que representa um crescimento de 11,9% em relação ao ano de 2012. Mais uma vez, o franchising brasileiro obtém um desempenho positivo, diversas vezes superior ao PIB nacional, que neste período cresceu 2,3%, segundo dados divulgados recentemente pelo IBGE.
 
A central da Chiquinho Sorvetes recebe cerca 15 a 20 solicitações/dia, com interesse de possíveis novos franqueados, mas a empresa pretende estudar e atender apenas 40 destas propostas/ano. A meta é chegar a todos os estados do país de forma planejada, mantendo o padrão de excelência de atendimento e qualidade.

Case de Sucesso       

Entre as unidades em funcionamento destaca-se a de Dourados – MS, que pertence aos sócios: Paulo Shimizu e Reinado Tamada. O empreendimento que foi inaugurado em maio de 2012, quando ambos resolveram abandonar o marcado imobiliário e apostar em um novo negócio, passou em poucos meses a ser o Case de Sucesso da marca. A loja teve investimento inicial de R$ 300 mil reais, conta com 21 colaboradores e teve um faturamento de R$ 2,5 milhões em 2013. Entre os produtos mais vendidos estão o Milk Shake, Casquinha e Shake Mix.