Café da Manhã Jurídico analisa a gestão tributária das franqueadoras

A complexidade do sistema tributário brasileiro e as estratégias para administrá-lo foram debatidas no encontro.

Tributária
Adriana Francisco: complexidade do sistema tributário brasileiro e esperança na reforma fiscal

“Nada é mais certo neste mundo do que a morte e os impostos”. A frase de Benjamin Franklin apresentada na abertura da palestra da advogada especializada em direito tributário Adriana Francisco deu o tom do Café da Manhã Jurídico da ABF deste mês. Se não é possível ignorar os impostos, o melhor é administrá-los corretamente. As “aplicações e estratégias para aprimorar o complexo gerenciamento tributário das franqueadoras” foi o tema tratado no encontro aberto aos associados no último dia 26 no Centro de Treinamento e Eventos da entidade em São Paulo.

De acordo com o ranking Doing Business 2016 do Banco Mundial, que mede o grau de facilidade dos países para se fazer negócios, entre 190 nações, o Brasil figurou entre os dez últimos com maior dificuldade para o pagamento de impostos. A complexidade da tributação brasileira, evidenciada por Adriana, é um dos entraves para reverter esse quadro.

A advogada abordou aspectos do gerenciamento tributário para melhorar a administração fiscal da empresa franqueadora, mostrando que é preciso que ela se estruture para que o trabalho seja feito com eficiência. “Essencialmente, o objetivo é gerenciar os tributos e mitigar riscos”, afirmou. Ainda segundo Adriana, se não houver um gerenciamento tributário adequado, a empresa está exposta a erros.

Na visão da especialista, a gestão tributária é um processo contínuo e deve envolver todos na organização. “O mais importante é a gente ter uma equipe comprometida. A gestão tributária é uma gestão de todos na empresa,” ressaltou.

A reforma fiscal foi defendida pela advogada. “Temos muita esperança na reforma tributária. Então, enquanto temos toda essa complexidade, vamos ver como nos proteger e fazer tudo da melhor forma para o desenvolvimento dos negócios”, concluiu.

Gratuito e exclusivo para os associados da ABF, o Café da Manhã Jurídico acontece mensalmente e a inscrição é feita on-line. O próximo encontro será realizado em setembro.

Foto: Arquivo pessoal